Logo Facebook

Fone: (11) 3229-5265

Logo Twitter

Fone/Fax: (11) 3326-2445

Skype: caixadeise  |  MSN: caixadeise@hotmail.com  |  E-mail: contato@caixadepapelaodeise.com.br  |  Atendimento: Seg. a Sex. das 8h às 17h  |  Contato: (11) 3229-5265

3 de fevereiro de 2015

Caixas de Papelão para e-commerce

Após a revolução industrial, que se deu início no sec 18, com isso expandiu-se com vigor no sec 19 houve invenções que mudaram para sempre o rumo da história do desenvolvimento, uns exemplos: locomotivas a vapor, lâmpada elétrica, automóveis, telefone, máquina e escrever, fotografia, cinema, etc. na indústria surgia o conceito de linha de produção e montagem, sistema que acelerou muito a produção de bens de consumo em grandes quantidades. Com isso vinha a necessidade de algum tipo de embalagem que tivesse larga escala, sua história deu início com uma proteção interna de papelão para chapéus, na Inglaterra em meados de 1856. Devido suas características e facilidade de manuseio ou seja sua versatilidade o papelão foi logo adaptado para as embalagens como por exemplo caixas de papelão.

A história do papelão ondulado vem evoluindo continuamente. Quando a primeira patente com os princípios básicos da corrugação foi criada em 1856, quem poderia imaginar que a embalagem de papel ondulado seria um fator importante para o crescimento da economia mundial até os dias de hoje.

Para dar um exemplo específico, com a revolução era necessário transportar alimentos frescos por longas distâncias, que seria impossível naquela época sem o desenvolvimento das caixas de papelão ondulado.

No início não passava de ficção científica, quando em 1871 Albert L. Jones achou a aplicação da patente para manufaturar papel corrugado, fazendo passar por dois rolos corrugadores aquecidos uma folha de papel umedecido para proteger produtos frágeis como garrafas de vidro.

Não muito tempo depois, o americano Oliver Long fez uma importante descoberta. Verificou que uma folha plana colada ao papel ondulado mantinha sua forma e aumentava a resistência, denominou face simples.

Com esta percepção de aumento da resistência, nasceu a indústria de papelão ondulado.

A companhia chamada Thompson & Norris começou a trabalhar com as patentes em 1875, seguido por outra companhia, Robert Gair em 1878. Inicialmente ambas nos Estados Unidos e poucos anos depois na França, Inglaterra e Alemanha.

A patente para a chapa de parede simples surgiu em 1889, iniciava-se a produção das primeiras caixas de papelão montadas, porém somente em 1895 começou de maneira regular nos Estados Unidos.

A indústria de papelão ondulado não decolou até 1914. Antes disso eram aplicadas taxas discriminatórias em sua utilização que dificultavam a passagem entre fronteiras de estados. Foi criado nesse ano uma comissão interestadual que legalizou e padronizou sua utilização criando condições para isso.

Deste ponto em diante a indústria de papelão ondulado não olhou para trás novamente.

E no sec 20 o papelão ondulado continuaria sendo a matéria prima mais utilizada no mundo para proteger, transportar e expor mercadorias.

A evolução das onduladeiras e das máquinas de papel permitiu que hoje, existem embalagens com qualidades das mais diversas, podendo substituir praticamente qualquer outra feita de outros materiais. Com várias inovações e design e sistemas construtivos, impressões e acabamento de alta qualidade, as embalagens de papelão ondulado tais como a caixa de papelão vem expandindo suas fronteiras e passam a ser notadas em todos locais.

Atualmente olhando em nossa volta nós podemos encontrar caixas de papelão em qualquer lugar, cada produto manufaturado é transportado e distribuído por todo o mundo graças a embalagens de papelão.

 

caixadeise

Leia mais artigos de .

Compartilhe com seus Amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>